Voltaire

229

Contou Oto Glória que o filme sobre Voltaire foi um fracasso completo em Portugal. Nas capitais e, principalmente, no interior, os portugueses chegavam ao cinema, liam os cartazes enormes e iam embora, alguns visivelmente irritados.
“Mas, por quê?”
“Questão de sotaque: eles liam ao pé da letra Voltaire e, certos de não haver sessão, voltavam todos.” Fonte: Revista Placar.