Programa Arboretum promove I Encontro de Coletores

337

Teixeira de Freitas – Ocorreu entre os dias 13 e 14 de abril, na Base de Conservação e Restauração Florestal em Teixeira de Freitas, o I Encontro de Coletores de Sementes Florestais do Programa Arboretum.
Estiveram presentes 32 coletores da Rede de Sementes do Arboretum, constituída por Núcleos Comunitários de Sementes localizados nos municípios de Conceição da Barra/ES, Caravelas/BA, Itamaraju/BA, Porto Seguro/BA e Mucuri/BA.
O Núcleo se constitui pela união de uma comunidade com o Programa e recebe a identidade de uma espécie arbórea representativa para a comunidade, assim são os Núcleos Braúna da Associação de Produtores Rurais de Rancho Alegre, o Núcleo Jequitibá do Assentamento Pedra Bonita, o Núcleo Araticum da COOPLANJÈ- Aldeia Pataxó de Boca da Mata, o Núcleo Juçara da Associação de Pequenos Produtores do Córrego do Artur em parceria com a Flona de Rio Preto e o Núcleo Pau Brasil em processo de capacitação no assentamento PDS- Pau Brasil.
O Primeiro dia do Encontro proporcionou aos coletores, palestras sobre: Primeiros Socorros, proferida pelo Cabo Bonim do Corpo de Bombeiros; Taxonomia Botânica e Dendrologia, proferida pelo Professor e Botânico Mardel Lopes do Instituto Federal Baiano; e sobre Armazenamento e Beneficiamento de Sementes, proferida pela Engenheira Florestal Lausanne de Almeida.
Já o segundo dia do Encontro foi dedicado à troca de experiências, apresentação de propostas e apresentação dos resultados dos trabalhos pela analista do Serviço Florestal Brasileiro e Coordenadora Técnica-Executiva do Programa, Natalia Coelho. Entre os resultados a capacitação de 45 coletores de sementes, mais de 500 matrizes marcadas, geração de renda complementar para as comunidades e a produção de sementes com origem e qualidade adequadas para a recomposição florestal do Território.
Um dos frutos desse trabalho, o Guia Fenológico, ilustrado das matrizes, foi entregue a cada um dos Núcleos de Coleta com os registros botânicos realizados pela própria comunidade além de um mapa com a localização geográfica das matrizes. Tais ferramentas irão permitir ainda maior produtividade e profissionalismo nos trabalhos de campo.
O Arboretum é um Programa interinstitucional idealizado pelo Serviço Florestal Brasileiro e Ministério Público do Estado da Bahia, com o apoio do Ibama, gerido tecnicamente também pela Embrapa Tabuleiros Costeiros, CNCFLORA-Jardim Botânico do Rio de janeiro, UNEB- Universidade do Estado da Bahia, IF Baiano e Secretaria do Estado de Meio Ambiente da Bahia –SEMA. A gestão financeira e administrativa fica a cargo da Fundação José Silveira.
O Programa Arboretum confere suporte técnico e logístico permanente para Núcleos Comunitários de Coleta de Sementes, Núcleos de Produção de Mudas e Núcleos de Plantio, com a missão de conservação e restauração florestal, promovendo uma aproximação de respeito entre os homens e a floresta.