Preso após roubo a posto de combustível em Posto da Mata era procurado por assaltos no ES

74
Compartilhar

Posto da Mata /Nova Viçosa – Procurado pela polícia por ser um dos principais suspeitos de assaltar a Unidade de Saúde de Novo Horizonte, na Serra/ES, Gabriel Souza Santos, de 18 anos, foi preso na manhã de último sábado (8/4), em Posto da Mata, distrito de Nova Viçosa.

Ele foi detido, junto com um comparsa, após o roubo a um posto de combustível, do qual participaram quatro bandidos. Os criminosos foram surpreendidos no momento do assalto e perseguidos após o crime. Dois foram capturados dentro de uma plantação de eucalipto, sendo Gabriel um deles.

Gabriel Souza Santos teve a foto divulgada pela Polícia Civil do Espírito Santo na última quinta-feira (6), pois estava sendo procurado por mais de um assalto à Unidade de Saúde de Novo Horizonte e também pelo assalto ocorrido na terça-feira (4), em uma marmoraria, no mesmo bairro, de acordo com o delegado Fabiano Rosa, titular da Delegacia de Segurança Patrimonial.

A unidade de saúde do bairro Novo Horizonte foi arrombada, este ano, 12 vezes, sendo a última delas ocorrida também na última terça-feira. Na ocasião, um criminoso entrou pelo buraco do ar-condicionado e fugiu levando o único computador que estava na unidade. Todos os outros já tinham sido levados em outros arrombamentos.

Gabriel havia sido reconhecido por testemunhas do assalto à marmoraria. Naquele crime, duas pessoas invadiram o local, renderam os funcionários e fugiram levando R$ 2,5 mil em dinheiro e um veículo Voyage, mesmo modelo do carro apreendido com o criminoso após o assalto em Posto da Mata.

A ficha policial do acusado, segundo informações do Jornal A Gazeta, é extensa, com diversas passagens por tráfico de drogas, roubo e furto, quando adolescente. A mãe e o irmão dele também já têm passagens pela polícia por tráfico de drogas. “A mãe dele está de alvará de soltura, já o irmão do Gabriel cumpre pena por tráfico. Podemos ver que é uma família que vive do crime”, destacou na semana passada o delegado. (Por Ronildo Brito c/informações de A Gazeta).

Compartilhar

Faça um comentário!