Ex-presidiário é executado com tiros de pistola

59
Compartilhar

Medeiros Neto – Getúlio Pereira Gonçalves, vulgo “Bicudo”, foi assassinado a tiros na noite de quinta-feira, 4 de maio. O crime aconteceu na rua João Eufrásio, no bairro Planalto I e segundo informações, a vítima estava em um bar, e quando estava indo embora, foi seguido por um indivíduo, de identidade ignorada e ao se aproximar  da sua residência, foi abordado e baleado pelo atirador. Getúlio tentou fugir, mas, o assassino conseguiu terminar o serviço.
Policiais militares foram acionados e compareceram ao local do crime, onde tomaram as primeiras providências. A Polícia Civil foi informada do crime e uma equipe do Plantão Regional realizou o levantamento cadavérico e autorizou a remoção do corpo ao IML de Teixeira de Freitas, onde passou por exames de praxe, na manhã de sexta-feira (6/5).
As testemunhas não identificaram o assassino, apenas disseram que se tratava de um homem magro, de estatura mediana, trajava short e estava sem camisa. No local do crime, a polícia recolheu cinco cápsulas de pistola calibre 380.
Um fato chamou a atenção da Polícia. No local, o pai da vítima disse em alto e bom som que o seu filho era vagabundo. “Não é porque é filho meu que eu vou defender não. São dois filhos vagabundos que eu tenho, esse aí e o outro”, disse o pai do Getúlio. Segundo informações, Getúlio já cumpriu pena por roubo no Estado do Paraná e estava na condicional. Na Bahia, teve outras passagens por assalto e envolvimento com o tráfico de drogas.
Uma guarnição da PM efetuou rondas na tentativa de prender o atirador, mas até o fechamento da reportagem ninguém havia sido preso. Segundo a polícia, o Getúlio já havia sofrido uma tentativa de homicídio na semana passada, quando foi esfaqueado. Após o atentado, ele foi socorrido ao Hospital de Medeiros Neto. A polícia ainda não tem informações se o atentado dá semana passada tem ligação com o homicídio. Um inquérito policial foi instaurado. Por: Edvaldo Alves/Liberdadenews Foto: Medeirosdiadia.

Compartilhar

Faça um comentário!