Ex-prefeito de Nova Viçosa deve devolver mais de R$76 mil aos cofres municipais por gastos com diárias

15
Compartilhar

O ex-prefeito de Nova Viçosa, Márvio Lavor Mendes, foi multado em R$3 mil pelo Tribunal de Contas dos Municípios e terá que devolver aos cofres municipais, com recursos pessoais, a quantia de R$76.500,00, pela ausência de documentos comprobatórios das viagens realizada pelos beneficiários de diárias no exercício de 2015. O relator do processo, conselheiro substituto Ronaldo de Sant’Anna, afirmou que a falta de transparência em tais procedimentos impossibilitou a conferência dos motivos para a concessão de tais diárias.
A relatoria apurou que, ao longo do exercício de 2015, o prefeito recebeu um total de 38 diárias, no valor total de R$30.300,00, que corresponde a 17% de sua remuneração anual, enquanto que secretários municipais foram agraciados com um montante global de R$46.200,00.
Cabe recurso da decisão. Fonte: Assessoria de Comunicação do Tribunal de Contas dos Municípios do Estado da Bahia.

Compartilhar

Faça um comentário!