Energia elétrica está chegando para tirar do escuro moradores do município de Caravelas

48

No dia em que a rede de posteamento estava sendo instalada, muitas famílias encheram os olhos de lágrimas, emocionadas com a proximidade do fim da escuridão e da falta de acesso à energia elétrica

Caravelas – Moradoras da Comunidade de Volta Miúda, no município de Caravelas, quase 30 famílias sonhavam em ligar uma geladeira, uma televisão ou uma lâmpada, por exemplo.
Vivendo décadas sem acesso à luz elétrica, exatamente 28 famílias aguardavam ansiosas pelo fim do impasse entre a Coelba e a Suzano S/A.
As duas empresas não chegavam à um acordo sobre a propriedade da faixa de terra por onde passava uma antiga estrada, com plantios de eucalipto ao seu redor.
A Suzano S/A exigia uma compensação financeira para permitir a colocação dos postes. A Coelba, por sua vez, chegou a oferecer um valor, considerado muito abaixo do exigido pela empresa de celulose.Sem solução do problema, a Associação dos Moradores de Volta Miúda decidiu impetrar com uma ação na justiça. Foram mais de dez anos do processo judicial até o chamamento da Prefeitura de Caravelas, auxiliando na comprovação de que a área questionada pela Suzano S/A já era uma estrada, muito antes da aquisição das terras, na década de 70.
Documentos, relatos, depoimentos e a história da comunidade quilombola contribuíram para deixar registrado que essa estrada já era utilizada em viagens de ônibus ou em lombos de animais como acesso à Helvécia, antes da abertura da Estrada do Boi, como ficou conhecida a BR-418.
Resultado, sem comprovar ser a dona da área, a Suzano S/A não pôde exigir dinheiro, nem impedir a colocação dos postes, uma vitória dos caravelenses, que há tanto tempo sofria com esse impasse.O Prefeito de Caravelas, Silvio Ramalho, comemorou a decisão. “Sempre nos empenhamos em trabalhar pela melhoria de vida dos caravelenses e essa é mais uma ação em que compartilhamos da mesma alegria e satisfação que essas famílias”, destaca. Fonte: Ascom da Prefeitura de Caravelas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here