Em oração no Planalto, padre sugere que CPI é ‘coisa do mal’ contra Bolsonaro

57

O presidente recebeu deputados federais ‘católicos carismáticos’ e um padre para momento de cânticos e oração em seu gabinete

Em oração no Planalto, padre sugere que CPI é coisa do mal contra Bolsonaro
Foto: Reprodução/ Redes Sociais.
Na última terça-feira, em seu gabinete no Palácio do Planalto, Jair Bolsonaro recebeu deputados que são católicos do movimento da Renovação Carismática e um padre para um momento de cânticos e oração.

Flávia Arruda (PL), ministra-chefe da Secretaria de Governo, também participou do encontro, ao lado dos deputados Eros Biondini (Pros), Diego Garcia (Podemos) e Francisco Júnior (PSD). No dia anterior, Bolsonaro tomou café com parlamentares da bancada evangélica.

No vídeo que circula nas redes sociais, após cantar uma música que diz que Deus “pode realizar o impossível”, o sacerdote Cleidimar Moreira puxa uma oração, inicialmente sem máscara, e fala em “proteção” ao presidente “em nome de Jesus” e “pela intercessão de Nossa Senhora”.

A certa altura da oração espontânea, o religioso pede “que todas as setas que estão direcionadas” a Bolsonaro “caiam por terra”, incluindo “essa CPI que inventaram” — ele se referia, claro, à CPI da Covid, em curso no Senado, que investiga possíveis crimes do governo federal durante a pandemia e fatos conexos. O padre diz, ainda, que o presidente “já é um vencedor”. Fonte: O Antagonista

Faça um comentário!